segunda-feira, setembro 10, 2007

 

Madeleine n'America.

Nao a miuda nao foi encontrada aqui, nem ha nenhum volte-face no caso que indique que ela esta n'America.

Eu nunca comentei esta historia, mas agora tenho que dizer alguma coisa.

Primeiro que tudo, porque ja estou farta de dar explicacoes, e de tentar desculpar a policia portuguesa, porque aqui toda a gente acha que e impossivel que os paizinhos sejam culpados.

Segundo, porque esta historia parece saida de uma novela.
Mas daquelas de muito ma qualidade (ler TVI ou novelas mexicanas)

E, porque sou portuguesa, toda a gente quer saber a minha opiniao acerca do caso. Ou nao se pelem os americanos por uma tragedia desta dimensao.

Alias, ate ja ouvi comentarios do estilo:

"fuck... this looks like something it would happen in the States" E de facto ate parece!
(nem pensar em contar a historia da outra miuda, da Joana, senao eles ainda pensam que Portugal e tipo pais do terceiro mundo. Que verdade mais ingloria...)

A unica coisa que eu me apetece dizer de tudo isto e que se eu fosse mae (ou pai), suspeita de matar a minha filha desaparecida, que deixei sozinha, supostamente sedada, enquanto fui jantar fora com amigos... ninguem me arrancava de Portugal ate provar a minha inocencia.

Especialmente depois de montar um circo mediatico absolutamente incrivel (tao bem feito que ja e caso de estudo).

Especialmente depois de aparecer um milhao de vezes em frente as camaras com aquele ar de enjoada, mas um pouco desligado. (ja sei cada um tem o ar que tem... gaijas enjoadinhas tiram-me do serio...)

Especialmente se fosse inocente.

Comments:
Aqui pensamos o mesmo... tanto falavam que nao iriam regressar ate saber da filha, que de um dia para o outro, assim que foram constituidos arguidos, decidiram que era melhor para os gemeos regressar a terra natal... Podes dizer ao nas americas, que nos pais verdadeiros, pais que amamos os nossos filhos, nem para ir a mercearia do canto deixamos os nossos filhos em casa ja com idade de escola, quanto mais pequenos bebes. NUNCA largamos os nossos rebentos.

Beijinhos
 
inocente, mas inocente com certeza, era a Maddie. O resto é bosta da grossa. Topa só: os papás estiveram num jantar com 9 amigos e nesse jantar para NOVE pessoas foram consumidas 14 garrafas de vinho. Era só um jantarinho...
Beijinhos
 
Eles tiveram a melhor exposição mediática e até, pasma-te, foram recebidos pelo papa em tempo recorde.
Agora foram-se embora do 3º mundo, já não querem nada com os jornalistas (portugueses) e muito menos as 500 pessoas lá da terrinha onde eles estão e agora se calhar a exposição mediática era de dispensar. AGORA TOMEM-NA!

Parece a história da Diana e os jornalistas.

Ela tem ar de enjoadinha...TEM!
 
Os ingleses bebem como o caraças é normal!

Até nós :)
 
nao sei porquê, mas nao consigo falart deste caso, prefiro ficar na minha, se calhar com o receio de eles a terem matado ou feito desaparecer, é doentio demais para a minha cabeça aceitar
 
eu fico revoltada com a forma como tratam o nosso pais... como se fosse muito distante, um povo totalmente diferente estranho, basicamente, como uma tribo subdesenvolvida da africa central.

Estas coisas raramente acontecem em portugal, mas quando acontecem, tem requintes de malvadez!
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

free web counter
Read my VisualDNA Get your own VisualDNA™